Voltar

10 formas de estimular a autoconfiança do seu filho

A autoconfiança é um dos aspectos mais importantes na aprendizagem das crianças. No entanto, para ajudar os pequenos a desenvolvê-la, não se trata apenas de dar elogios. Entenda melhor, neste artigo.

Uma criança com autoconfiança é capaz de lidar melhor com desafios da vida, seja na aprendizagem ou em outras áreas. Muitos pais acreditam que elogiando seus filhos quando estes fazem algo bom, estão ajudando a desenvolver a autoconfiança dos pequenos. 

No entanto, é importante entender que a autoconfiança reflete a avaliação emocional subjetiva de um indivíduo sobre seu próprio valor e os pais ajudam a criança a construir essas crenças sobre si mesmo. 

Dessa forma, mais do que dar elogios é preciso ajudá-los a fazer escolhas, correr riscos saudáveis, valorizar o esforço mais que o resultado, entre outros pontos.

Como estimular a autoconfiança das crianças

Reunimos dez dicas para os pais ajudarem seus filhos a desenvolver a autoconfiança, o que irá refletir na aprendizagem, nas suas relações com o outro e consigo mesmo. 

Dê um passo para trás

Existem maneiras melhores de estimular a autoconfiança das crianças do que elogiar tudo que elas fazem. Para ajudá-las a criar confiança em si mesmas, é preciso aprender a dar um passo para trás em determinadas situações e deixá-las correr riscos, fazer escolhas e encontrar soluções para os problemas.

Não superestime as crianças

A autoconfiança se constitui quando as crianças se sentem amadas e seguras. No entanto, é importante que elas entendam que a aprendizagem exige esforço. Superestimar as crianças é elogiá-las o tempo todo, pois assim, a mensagem que se transmite é que elas não precisam se esforçar mais.

A autoconfiança se constitui com o fazer, tentar, errar e tentar de novo. Elogios constantes podem ser mais prejudiciais do que benéficos. As crianças começam a pensar serem perfeitas ou tentam ser perfeitas o tempo todo, o que não é bom. 

Além disso, ao dizer para seu filho que ele é o melhor, o mais inteligente ou o mais talentoso, você não o prepara para lidar com as frustrações, afinal o erro faz parte da aprendizagem.

Deixe seu filho correr riscos saudáveis

Comece dando aquele passo para trás quando pintar uma vontade de ajudar seu filho em alguma situação que ele poderia se sair bem sozinho. Para construir confiança em si mesmas e no mundo, as crianças precisam se arriscar, fazer escolhas e assumir a responsabilidade por elas. 

Os pais não precisam tentar evitar o fracasso de seus filhos o tempo todo.

Deixe seu filho fazer escolhas

Quando as crianças fazem suas próprias escolhas (adequadas à idade), se sentem mais confiantes. A partir dos dois anos, elas já podem começar a considerar as consequências das suas decisões. 

Incentive o seu filho a ajudar nas tarefas de casa

Para a construção da autoconfiança, as crianças precisam de oportunidades para demonstrar suas habilidades e sentirem que podem ajudar. Em casa, os pais podem pedir ajuda para seus filhos nas tarefas domésticas, como colocar a mesa, arrumar a cama, ajudar a cozinhar, etc.

Apoie as escolhas e os interesses das crianças

Outra maneira de estimular a autoconfiança das crianças é incentivá-las a realizar atividades pelas quais demonstrem interesse. Não importa qual, pode ser um esporte, um hobby, um talento, ajude-as a identificar seus interesses e a persistir em suas escolhas, mesmo diante de dificuldades e desafios.

Não condene os erros e os fracassos do seu filho

Constituir a autoconfiança também significa aprender a lidar com os erros e fracassos. É importante apoiar seus filhos nesses momentos, para que eles aprendam que faz parte do caminho. E que está tudo bem, o importante é continuar tentando!

Não perca o sono por causa disso

Muitos pais pensam que os erros e os fracassos de seus filhos vão prejudicar a autoestima deles. No entanto, eles são uma oportunidade para ajudar a construí-la. Por isso, faça seu filho sentir que você o ama, mesmo quando erra, pois o erro faz parte da aprendizagem.

Mostre que seu amor é incondicional

Mostre para seu filho que você o ama, mesmo quando ele falha ou toma decisões erradas. Se você só demonstrar esse amor ou apoio de acordo com o seu desempenho, ele vai pensar que você o ama apenas porque tirou uma boa nota ou ganhou a medalha na natação.

Dê elogios nos momentos certos

Embora o elogio seja muitas vezes mal utilizado, quando merecido, é fundamental na construção da autoconfiança das crianças. Por isso, não se trata de parar de elogiar seu filho, mas sim de fazê-lo quando você sentir o seu esforço na situação, como forma de incentivá-lo a manter essa atitude.

Essas foram algumas dicas de simples ações cotidianas dos pais que contribuem para a constituição da autoconfiança dos filhos. As crianças precisam se sentir amadas e especiais, para isso os pais podem ajudá-las a descobrir seus próprios talentos e qualidades e valorizar seus pontos fortes. 

Se gostou deste artigo, compartilhe este artigo em suas redes para ajudar outros pais a estimular a autoconfiança de seus filhos!

Referências:

SCHAVAREM, Luana do Nascimento  e  TONI, Caroline Guisantes de Salvo. A relação entre as práticas educativas parentais e a autoestima da criança. Pensando fam. [online]. 2019, vol.23, n.2 [citado  2021-03-02], pp. 147-161 .

LOOS, Helga Loos. A qualidade das relações familiares afeta o autoconceito e a autoestima de crianças.

Você também pode se interessar...

6 respostas em “10 formas de estimular a autoconfiança do seu filho”

Artigo maravilhoso, como seria importante se os pais parassem para observar a forma como educada os filhos, recebessem as orientações dos profissionais e as colocassem em prática, as crianças seria orientadas e educadas para serem cidadãos autônomos e críticos.

Artigo muito importante! A autoconfiança vai balizar toda a vida dos nossos filhos. Acho que errei bastante quanto a isso. Fui muito cobrada em tudo que fazia e a mãe era muito forte nos gostos dela, nas escolhas até de roupas. E o pior em muitos momentos eu repeti a dose. Mea culpa, Mea culpa, mea culpa, agora só ajudar as netas!

Artigo espetacular para quem tem os filhos ainda em idade de ir construindo sua autoconfiança. Otimo para a gente auxiliar os jovens com filhos novinhos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *