Voltar

5 dicas para melhorar a aprendizagem dos alunos

A aprendizagem escolar é um processo complexo e envolve alunos, educadores e família. Um trabalho em conjunto facilita o desenvolvimento das habilidades e a superação das dificuldades de aprendizagem. Saiba como melhorar a aprendizagem escolar, neste artigo.

A relação da criança com o aprender deve ser prazerosa para que ela possa se envolver nas rotinas e responder às demandas do processo de aprendizagem. O desenvolvimento do aluno contribui com a sua auto estima e fortalece a sua confiança na capacidade de aprender novas habilidades e competências.

Os professores precisam desenvolver estratégias que proporcionem a todos os alunos a aprendizagem escolar, promovendo medidas que motivem as crianças. Ainda que as circunstâncias externas não sejam ideais, como um número reduzido de crianças por classe, por exemplo, existem algumas ações simples que melhoram a aprendizagem dos alunos. Confira as dicas que preparamos para você.

Dicas para melhorar a aprendizagem dos alunos

Em primeiro lugar, vale lembrar que diante a suspeita de uma dificuldade de aprendizagem, os professores e os pais precisam pensar em estratégias que visem a superação da mesma. É preciso avaliar o que pode estar causando essas dificuldades, se elas têm relação com a escola, com a família ou com outros fatores.

Nossas dicas neste artigo, são de pequenas ações em sala de aula que podem melhorar a aprendizagem escolar. Ainda que os professores não encontrem as melhores estruturas ou ferramentas nas escolas, podem fazer muito para otimizar o processo de ensino. 

Perceba como está a capacidade de atenção dos alunos 

Conhecer o seu aluno é fundamental para o processo de ensino-aprendizagem. Observe como está a atenção de cada criança, perceba quais estão mais desatentas e procure identificar os motivos que levam a essa desatenção.

As crianças podem se distrair com barulhos, por sentar longe da professora e não a ouvir bem, por estar perto de um amigo que gosta de conversar, enfim, são muitos fatores que levam a desatenção. Mude de lugar as crianças que estão desatentas e observe os resultados.

Altere o tom da sua voz em diferentes situações

Quando perceber que os alunos estão desatentos, uma boa estratégia é alterar o tom de voz, seja falando mais baixinho ou um pouco mais alto, para que as crianças percebam a mudança.

Ao perceber a alteração do seu tom de voz, geralmente os alunos voltam a atenção para você para entender o que está acontecendo. Neste momento, retome o tema que estava sendo tratado, relembrando os pontos mais importantes e dê prosseguimento a aula.

Ensine o seu aluno a estudar

Muitas vezes, as crianças ficam perdidas no processo de aprendizagem, pois não sabem como estudar. Para nós adultos, parece óbvio, mas elas precisam aprender como fazer. Escrever resumos dos conteúdos estudados, criando textos que destacam os pontos mais significativos ajuda a memorizar, por exemplo.

Da mesma forma, o professor pode orientar o seu aluno a rever, diariamente, em casa, o conteúdo que foi visto em sala de aula. Lembrar do que foi estudado também é uma estratégia para assimilar as informações e fixar os conteúdos. 

Instigue a curiosidade dos alunos com perguntas

Nada melhor para melhorar a aprendizagem dos alunos do que despertar a curiosidade e o interesse das crianças. Comece a sua aula com algumas perguntas instigantes, como se fosse uma brincadeira ou um desafio para as crianças responderem.

Essa simples ação é muito eficaz, pois estimula a curiosidade das crianças e ajuda a manter o foco. Para torná-la ainda mais atraente, pode pensar em premiações para as melhores respostas.

Ensine estratégias de leitura 

Da mesma forma que é preciso ensinar as crianças a estudar, o professor deve orientar o seu aluno na leitura. Usar estratégias como marcar partes dos textos de textos importantes, como mencionado, é também uma forma de aprender a ler.

Isso porque, para tal, a criança precisa ficar mais atenta ao que está lendo, para poder identificar os pontos mais relevantes. Outra dica é ensinar o aluno a reler as provas e atividades antes de entregá-las. Ao ler novamente, podem encontrar erros, por isso, a leitura deve ser feita com atenção.

O papel do professor é promover a aprendizagem do aluno. Assim, deve sempre buscar as melhores estratégias para otimizar esse processo. Essas foram algumas dicas, mas é fundamental que também procure por metodologias de ensino que permitam às crianças superar suas dificuldades de aprendizagem, respeitando o tempo e as habilidades de cada um.

Se você tem mais dicas para melhorar a aprendizagem escolar, deixe seu comentário e contribua com a discussão!

Referências:

ALMEIDA, Leandro S.. Facilitar a aprendizagem: ajudar aos alunos a aprender e a pensar. Psicol. Esc. Educ. (Impr.) [online]. 2002, vol.6, n.2 [cited  2020-06-29], pp.155-165. Available from: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-85572002000200006&lng=en&nrm=iso>. ISSN 2175-3539.  https://doi.org/10.1590/S1413-85572002000200006.

BORUCHOVITCH, Evely. Estratégias de aprendizagem e desempenho escolar: considerações para a prática educacional. Psicol. Reflex. Crit. [online]. 1999, vol.12, n.2 [cited  2020-06-29], pp.361-376. Available from: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-79721999000200008&lng=en&nrm=iso>. ISSN 1678-7153.  https://doi.org/10.1590/S0102-79721999000200008.

Você também pode se interessar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *