Skip to content Skip to footer

4 ESTÁGIOS DE DESENHO E ESCRITA DOS 15 MESES AOS 3 ANOS

4 ESTÁGIOS DE DESENHO E ESCRITA DOS 15 MESES AOS 3 ANOS DE IDADE

4 estágios de desenho e escrita dos 15 meses aos 3 anos. Entenda o início do processo de desenho e escrita, uma linda evolução no desenvolvimento da criança.

O desenvolvimento motor e cognitivo são vistos como dois dos principais indicadores do desenvolvimento infantil. Por isso, para estimular esse desenvolvimento, as experiências de desenho e escrita são ótimas aliadas.

Além disso, por meio dessas experiências é possível promover  a criatividade. Certamente, a criatividade é peça fundamental. Pois, a partir dela, a criança é estimulada a refletir, aprender e reproduzir o que é observado por ela, em casa ou na escola.      

Por isso, entregue à criança materiais de desenho e pintura e observe. Pois será perceptível sua evolução ao longo do tempo tanto em questão de manuseio dos materiais, quanto em relação às produções finais.

O jeito de pegar no lápis, a força que coloca ao rabiscar e os desenhos ou formas reproduzidos vão mudando, de acordo com o desenvolvimento.

Por isso, no início, pintar, rabiscar ou escrever não têm diferença, mas, aos poucos, a criança vai descobrindo as possibilidades de utilizar as cores e representar a realidade.

Por exemplo, existem 4 estágios de desenho e escrita que podem ser observados à medida que os pequenos crescem, dos 15 meses aos 3 anos de idade.

Também é importante entender que as idades indicadas para cada estágio são somente uma referência, sendo possível que o seu filho domine tais habilidades antes ou depois da idade indicada.

Isso acontece porque cada criança se desenvolve de maneira e em tempo diferentes. Afinal, cada uma está inserida em contextos e realidades distintas e cada ser é único.

1º ESTÁGIO – RABISCO ALEATÓRIO (15 MESES A 2 ANOS E MEIO):

Primeiramente, nesse primeiro estágio, as crianças estão descobrindo os objetos e a si mesmas. Então elas testam movimentos diversos para ver qual resultado obterão.

Por exemplo, colocam forças diferentes ao pegar no lápis ou giz de cera e percebem que seus movimentos geram linhas e rabiscos. Geralmente, a criança nessa idade não possui destreza manual para realizar os movimentos.

Mas se diverte bastante com o resultado, sem falar que é algo novo e importante sentir e descobrir a textura do papel, do giz de cera e do lápis. Além disso, o cheiro da tinta e o barulho do lápis ao riscar o papel são experiências satisfatórias para ativar seus sentidos.

Portanto é importante lembrar que cada criança possui características próprias. Para algumas crianças, esses estímulos podem não ser interessantes, a exemplo de crianças que não reagem bem ao pintar utilizando o dedo.

Por esse motivo, cada uma deve ter suas singularidades respeitadas e precisam ser estimuladas gradativamente e no momento certo.

2º ESTÁGIO – RABISCO CONTROLADO (2 A 3 ANOS):

Com o crescimento e prática, os pequenos desenvolvem um maior controle sobre a musculatura das mãos e dos dedos, pois, além de terem uma noção de força mais aprimorada para colocar sobre o objeto, sua coordenação motora passa por uma evolução em relação ao 1º estágio, resultando em rabiscos mais controlados.

Por conta disso, nesse 2º estágio, as crianças costumam fazer rabiscos repetidos no papel, já ensaiando algumas formas, círculos abertos, linhas diagonais, curvas horizontais ou verticais. Gradativamente, elas fazem a transição para segurar o giz de cera ou lápis no espaço entre o polegar e o dedo indicador, de forma mais segura e precisa.

4 ESTÁGIOS DE DESENHO E ESCRITA DOS 15 MESES AOS 3 ANOS

3º ESTÁGIO – LINHAS E PADRÕES (2 ANOS E MEIO A 3 ANOS E MEIO):

Por isso, a partir dessa etapa, a criança começa a perceber que a escrita é composta por linhas e padrões definidos. Ela tenta imitar a representação das letras, a partir dos seus desenhos no papel.

Também com isso, ele consegue assimilar que as linhas e curvas que representam as letras possuem um significado. Portanto, por mais que ele ainda não saiba escrever, esse é um estágio importante para o desenvolvimento da escrita no futuro.

4º ESTÁGIO – IMAGENS DE OBJETOS OU PESSOAS (3 A 5 ANOS):

Sendo assim, a habilidade de visualizar um objeto, manter essa imagem gravada na memória e representar o que foi visto através de um desenho demora um tempo para ser desenvolvida.

Pois, no começo as crianças fazem desenhos com pouco ou sem nenhum planejamento e criam nomes a partir do que eles conhecem para dizer o que desenharam.

Dessa forma, esse 4º estágio é diferente, pois a criança tem a capacidade de planejar antes de desenhar, de modo que os desenhos serão mais fiéis à realidade, com mais detalhes e significados.

Por exemplo, quando o pequeno começa a desenhar figuras de forma proposital, significa que ele domina o pensamento simbólico. Ou seja, ele entende que as linhas e formas que estão no papel podem ter algum significado.

Nessa etapa, ele compreende a diferença entre imagem e escrita, começa a experimentar escrever as letras mais familiares e observa que algumas palavras são mais curtas e outras mais longas.

 REFERÊNCIAS

ESCUDEIRO, C. M.; BARBOSA, E. M.; SILVA, J. C. O desenho infantil de crianças de três anos e sua articulação com os rudimentos da escrita. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, p. 2287–2305, 2016. DOI: 10.21723/riaee.v11.n.esp4.9194. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/iberoamericana/article/view/9194. Acesso em: 8 jul. 2022.

Learning to Write and Draw. Zero to Three, 2016. Disponível em: https://www.zerotothree.org/resources/305-learning-to-write-and-draw. Acesso em: 8 jul. 2022. 

PINTO, D. P.; LOBO, R. do C. A.; SANTOS, R. S.; SILVA, R. R. da R.; PAULA, V. C. A IMPORTÂNCIA DO DESENHO NA EDUCAÇÃO INFANTIL. Revista Ibero-Americana de Humanidades, Ciências e Educação, [S. l.], v. 7, n. 7, p. 1497–1506, 2021. DOI: 10.51891/rease.v7i7.1909. Disponível em: https://periodicorease.pro.br/rease/article/view/1909. Acesso em: 8 jul. 2022.

1 Comentário

Leave a comment

0.0/5