Skip to content Skip to footer

Literacia: o que é e qual sua importância?

Para a Política Nacional de Alfabetização (PNA), literacia é o conjunto de conhecimentos, habilidades e atitudes relacionados à leitura e à escrita, assim como sua prática produtiva. Ou seja, a literacia diz respeito ao ensino e à aprendizagem das habilidades de leitura e escrita. 

Mas, antes de continuarmos explicando sobre ela, devemos falar sobre o que é a alfabetização

A alfabetização

Segundo a PNA, a alfabetização se caracteriza como ensino das habilidades de leitura e escrita em um sistema alfabético. Já para a UNESCO, a alfabetização nos mostra etapas graduais e sistemáticas. Isso é exatamente como se entende o processo de alfabetização. 

Isso significa que, após o aluno decodificar as letras, compreenderá as palavras e por fim o texto. Em seguida, partindo desse conhecimento, se torna apto para realizar leituras interpretativas e reflexivas. 

Assim sendo, precisamos compreender que para chegar nesse nível existem fases que devem ser respeitadas. Assim, não podem, de forma alguma, serem puladas. De modo que o conhecimento seja construído sem nenhuma lacuna. 

Dessa forma, podemos dizer que a alfabetização é o resultado de um processo de aquisição de habilidades específicas. Aplicado, praticado e situado dentro de um contexto, misturando explicação e experimentação. 

A literacia

A literacia envolve desde os critérios mais básicos até os mais avançados de alfabetização. O primeiro diz respeito a literacia emergente, que iremos explicar neste artigo. Já o segundo engloba a pessoa que já é capaz de ler e escrever faz uso produtivo dessa habilidade. 

O termo é usado principalmente em Portugal. Ela é uma prática neurocientífica que colabora para o desenvolvimento de habilidades de leitura e escrita. 

Dessa maneira, ela é dividida por níveis, visto que a capacidade de leitura e escrita não pode ser adquirida de uma só vez. Por isso, ela depende exclusivamente do que a criança sabe antes e durante o período de alfabetização. 

A PNA divide a literacia em níveis de conhecimento. Veremos mais sobre eles abaixo. 

Os níveis de literacia

  1. Literacia básica: 

A básica compreende o período da pré-escola até o final do 1º ano do fundamental. Assim, inclui a aquisição da habilidade de decodificação e conhecimento das palavras de alta frequência. Por isso, é caracterizada como o período de aquisição de habilidades fundamentais para a alfabetização.

  1. Literacia intermediária:

Esse nível vai do 2º ao 5º ano do ensino fundamental. Nele são encontradas as habilidades de leitura oral e compreensão genérica de textos, entre outros. Dessa forma, nessa etapa que as crianças começam a utilizar a leitura como forma de aprendizagem. Ela vai ser um meio para a criança aprender cada vez mais.

  1. Literacia disciplinar: 

Por fim, temos a literacia disciplinar que vai do 6º ano até o ensino médio. Esse nível diz respeito às leituras aplicáveis em disciplinas específicas. São os estudos de mundo por meio da geografia, matemática e história, por exemplo. 

Outras âmbitos da literacia

Essa é uma área muito abrangente. Dentro dela, podemos encontrar também a literacia emergente e a familiar. Mas o que isso significa? Vamos explicar para você agora. 

Literacia emergente

A literacia emergente é a primeira etapa para a construção do conhecimento da literacia. Dessa forma, ela constitui o conjunto de conhecimentos e habilidades relacionadas à leitura e escrita. É importante ressaltar que esse processo deve ocorrer antes da alfabetização. 

Literacia familiar

Por fim, a literacia familiar consiste na aprendizagem da leitura e escrita dentro do ambiente familiar da criança. Ou seja: ela nos revela a importância do envolvimento dos pais e responsáveis no processo de alfabetização. Essa etapa da aprendizagem ocorre mesmo antes do ingresso do aluno no ensino formal. 

A literacia familiar pode acontecer por meio de leitura compartilhada e em voz alta. Dessa forma, amplia-se o vocabulário, desenvolve-se a compreensão da linguagem oral e trabalha a atenção. Essa prática também é muito importante no momento de criar laços entre a criança e seus pais/responsáveis.

E para saber mais sobre esse assunto, assista esse vídeo com a Lu Brites:

Referência:

UNESCO. Towards knowledge societies. UNESCO World Report. Paris, 2005.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Alfabetização. PNA: Política Nacional de Alfabetização. Brasília: MEC, SEALF, 2019b.

8 Comments

  • Kelly Idalino
    Posted 01/02/2022 at 11:15 pm

    Amo esses artigos. Não vejo a hora de iniciar o curso. Parabéns!!!

    • Solange
      Posted 02/02/2022 at 11:58 pm

      Olá Kelly, tudo bem?

      Obrigada pelo carinho! Continue sempre acompanhando!

      Solange,
      Equipe NeuroSaber 💙

  • Maria do Rosário Assis da Silva
    Posted 12/04/2022 at 1:25 pm

    Eu gosto de trabalhar com as primeiras informações de 1°a 5°

    • Solange
      Posted 12/04/2022 at 7:39 pm

      Olá Maria, tudo bem?

      Legal, né? Em nosso blog temos muito conteúdo útil e didático! 😉

      Sol,
      Equipe NeuroSaber 💙

      • Vanda Lucia Oliveira Reis
        Posted 10/01/2023 at 12:27 am

        Otimo conteúdo

  • Maria Aparecida
    Posted 04/01/2023 at 2:30 pm

    Gostei do conteúdo.

    • Solange
      Posted 12/01/2023 at 1:04 am

      Olá Maria, tudo bem?

      Em nossos canais temos muitos conteúdos que vão te ajudar a entender melhor. Confira nosso canal no Youtube e nosso Blog e continue sempre de olho em nossas redes sociais! 💙💙💙

      Sol,
      Equipe NeuroSaber 💙

  • Rosenilda de oliveira peixoto
    Posted 04/01/2023 at 3:58 pm

    A importância tá literacia é que a criança adquirir a aprendizagem junto com as habilidades dentro do seu tempo.

Leave a comment

0.0/5

x

Estou aqui para ajudar 🤗

Me chame quando precisar 😊