Skip to content Skip to footer

Exercícios funcionais para desenvolvimento psicomotor

Nesta série de artigos em que abordamos a psicomotricidade, em suas várias situações, não poderíamos deixar de falar dos exercícios funcionais. Todos vocês, que nos acompanham, sabem o quão importante é o aspecto psicomotor na vida de uma pessoa. Ele está relacionado a praticamente todas as funções do corpo, desde a coordenação motora ao psicológico.
Esse conjunto de ações interligadas é impulsionado com o auxílio de profissionais diversos, sendo que os psicomotricistas são os mais indicados por conta de sua formação. Você pôde ver em publicações anteriores como é imprescindível a aplicação de métodos na vida de uma criança. Sendo assim, há determinadas atividades que podem ser aplicadas desde a mais tenra infância. Tudo para trabalhar com o desenvolvimento do bebê.

Os exercícios funcionais e o seu papel na psicomotricidade

O que vocês entendem por exercícios funcionais? Eles se constituem como um conjunto de ações trabalhadas e orientadas por um profissional de fisioterapia acerca do condicionamento do corpo. Essas atividades servem para prevenir ou recuperar lesões em determinadas partes.
É interessante ressaltar que no caso da psicomotricidade, o fisioterapeuta deve contar, sobretudo, com o psicomotricista, pois ele entende de todas as etapas que devem e precisam ser tomadas acerca dos exercícios. Ambos podem trabalhar em conjunto.
Vale ressaltar que os exercícios funcionais são voltados para diversas demandas. Entretanto, no caso da psicomotricidade, a indicação deve partir do terapeuta que avalia o caso da criança, por exemplo.
A aplicação das técnicas varia de acordo com a necessidade de cada paciente. A partir de então, o profissional começa a planejar o que deve ser feito para auxiliar a criança. O psicomotricista realiza esse processo para estabelecer quais exercícios são os mais indicados para que a área motora da criança seja desenvolvida com total precisão, eficiência e eficácia.
Psicomotricistas também costumam realizar os exercícios funcionais com o intuito de serem seguidos pelas crianças. É verdade que elas precisam ser estimuladas. Então, nada melhor que mostrar a elas como pode ser legal fazer as atividades.
As técnicas consistem em práticas que trabalham a coordenação motora em seu caráter amplo: fina e grossa. Isso significa que se pedem tanto habilidades cujas exigências sejam pequenos gestos quanto àquelas que pedem maior esforço físico. Tudo dentro dos limites apresentados pela criança. O importante é que os exercícios funcionais atuem de forma gradativa, trabalhando em partes para oferecer ao pequeno a oportunidade de mostrar as melhoras conquistadas.

O valor da psicomotricidade

A área da psicomotricidade trabalha com diversas frentes, sendo que os eixos se pautam nos seguintes aspectos: cognitivo, corporal, educativo e relacional. Vale ressaltar que a psicomotricidade abrange também determinadas linhas de atuação, como a terapêutica, para citarmos um exemplo.
O exercício funcional atribuída à psicomotricidade é essencial para o desenvolvimento da criança, como todos vocês puderam ver neste artigo. Mas é importante sempre reiterar que além do ambiente escolar, o espaço dentro da família também deve ser cercado de incentivos para que a criança possa desenvolver suas habilidades de maneira satisfatória.

REFERÊNCIAS 

FONSECA, V. Manual de observação psicomotora: significação psiconeurológicados fatores psicomotores. Porto Alegre: Artmed, 1995.

______. Psicomotricidade: filogênese, ontogênese e retrogênese. 2 ed. Porto Alegre: Artes Médicas, 1998.

______. Psicomotricidade: perspectivas multidisciplinares. Porto Alegre: Artmed. 2004.

______. Psicomotricidad: paradigmas del estudio del cuerpo y de la motricidad humana. México: D. F, 2004.

______. Desenvolvimento psicomotor e aprendizagem. Porto Alegre: Artmed, 2008.

8 Comments

  • Cilene Carneiro Almeida
    Posted 25/03/2017 at 11:19 am

    Quero compartilhar a importância das atividades e o quanto tem contribuído com os nossos alunos.

  • Trackback: Coordenação e habilidades motoras: o que esperar em diferentes idades - NeuroSaber
    • NeuroSaber
      Posted 27/09/2017 at 11:57 am

      Obrigada pelo carinho, continue nos acompanhando!

      • Angeles Maida Ramalho
        Posted 05/11/2017 at 12:33 am

        Eu que agradeço por partilharem informações e pesquisas.

  • Lais
    Posted 08/10/2017 at 6:11 pm

    Olá, achei seu artigo excelente, eu gostaria de saber as referências bibliográficas, autor e ano, pois tenho interesse em usar algumas coisas em meu tcc.

    • NeuroSaber Responde
      Posted 10/10/2017 at 11:01 am

      Lais,
      O nosso material é feito pela equipe Neurosaber.

  • Kawana
    Posted 21/05/2022 at 5:13 pm

    qual a referencia bibiografica ?

    • Solange
      Posted 25/05/2022 at 8:22 pm

      Olá Kawana, tudo bem?

      Obrigada pela sua contribuição, as referências do artigo já foram inseridas na pagina e estou colocando aqui para você ter acesso:

      Sol,
      Equipe NeuroSaber 💙

Leave a comment

0.0/5