Skip to content Skip to footer

O que é Dificuldade de Aprendizagem e como contorná-la?

A dificuldade de aprendizagem pode estar relacionada a inúmeros fatores biológicos ou culturais, mas não indica falta de inteligência ou de motivação para aprender. Crianças com dificuldade de aprendizagem aprendem de uma forma diferente, por isso é preciso analisar cada caso.

Os tipos mais comuns de dificuldade de aprendizagem envolvem problemas de leitura, escrita, matemática e raciocínio. No entanto, transtornos do neurodesenvolvimento, como o autismo, podem levar a dificuldades de aprendizagem. 

Embora toda criança tenha dificuldade em algum momento de sua vida escolar, se uma determinada área do aprendizado for consistentemente afetada, pode indicar um distúrbio de aprendizagem. Saiba mais, neste artigo.

Crianças com dificuldade de aprendizagem 

Os pais e professores se preocupam com as crianças com dificuldade de aprendizagem e se perguntam o que podem fazer para ajudá-las a contornar essas dificuldades.

Vale lembrar que a maioria das crianças com dificuldade de aprendizagem precisa ser ensinada de forma diferenciada. Ao aprender mais sobre as dificuldades de aprendizagem, pais e professores podem ajudar as crianças a superá-las.

Sinais e sintomas de dificuldade de aprendizagem

As dificuldades de aprendizagem são muito diferentes de uma criança para outra. Uma pode ter dificuldade em ler e soletrar, enquanto outra adora livros, mas não consegue entender matemática. Outra ainda pode ter dificuldade em entender o que os outros estão dizendo. 

Nem sempre é fácil identificar uma dificuldade de aprendizagem devido às grandes variações de sintomas. No entanto, alguns sinais ajudam a perceber a presença de um distúrbio de aprendizagem.

Principais dificuldades de aprendizagem

Dislexia — Dificuldade de leitura 

Existem dois tipos de dificuldades de leitura: dificuldade de entender a relação entre sons, letras e palavras; e a dificuldade de compreender o significado de palavras, frases e textos.

Sinais de dislexia incluem: dificuldade no reconhecimento de letras e palavras, na compreensão de palavras e ideias, velocidade e fluência de leitura e habilidades de vocabulário geral.

Discalculia — Dificuldade em matemática 

A capacidade de uma criança de aprender matemática pode ser afetada por uma dificuldade de aprendizagem de linguagem, um distúrbio visual ou uma dificuldade de sequenciamento, memória ou organização. Uma criança com discalculia pode ter dificuldade em memorizar e organizar números, sinais de operação e “fatos” numéricos.

Disgrafia — Dificuldade na escrita 

As dificuldades na escrita podem envolver o ato de escrever ou a compreensão de informações. A disgrafia se refere à dificuldade em formar palavras e letras. Os sintomas giram em torno do ato de escrever e incluem problemas com o aspecto e consistência da escrita; copiar letras e palavras com precisão, consistência ortográfica, organização e coerência da escrita.

Dispraxia — Dificuldade nas habilidades motoras 

A dificuldade motora refere-se a problemas com movimento e coordenação, seja com habilidades motoras finas (cortar, escrever) ou habilidades motoras grossas (correr, pular). Os sinais de dispraxia incluem problemas com habilidades físicas que requerem coordenação olho-mão, como segurar um lápis ou abotoar uma camisa.

Afasia / disfasia — Dificuldades na linguagem 

As dificuldades da linguagem e da comunicação envolvem a capacidade de compreender ou produzir a linguagem falada. A linguagem requer a organização de pensamentos e o uso das palavras certas para explicar verbalmente ou comunicar algo. Os sinais de um transtorno de linguagem envolvem problemas com as habilidades da linguagem verbal, como a capacidade de recontar uma história, a fluência da fala e a capacidade de compreender o significado das palavras.

Outros distúrbios que levam à dificuldade de aprendizagem

A dificuldade na escola pode estar relacionada a ansiedade, depressão, eventos estressantes, traumas emocionais e outras condições que afetam a concentração e tornam o aprendizado um desafio. Além disso, o TDAH e o autismo podem ser confundidos com dificuldades de aprendizagem.

TDAH — Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH), embora não seja considerado um distúrbio de aprendizagem, pode atrapalhar o aprendizado. Crianças com TDAH costumam ter problemas para ficar sentadas, manter o foco, seguir instruções, se organizar e fazer o dever de casa.

Autismo — a dificuldade em dominar certas habilidades acadêmicas pode resultar de transtornos do neurodesenvolvimento, como autismo. Crianças com Transtorno do Espectro Autista podem ter problemas para se comunicar, ler a linguagem corporal, aprender habilidades básicas, fazer amigos e manter o contato visual.

Como ajudar as crianças com dificuldade de aprendizagem

Quando se trata de dificuldades de aprendizagem, nem sempre é fácil saber o que fazer e onde encontrar ajuda. No entanto, o mais indicado é buscar ajuda profissional para realizar um diagnóstico e indicar as melhores intervenções.

É importante analisar caso a caso e entender os detalhes sobre a dificuldade de aprendizagem de cada criança, como ela afeta o processo de aprendizagem e quais habilidades cognitivas estão envolvidas. 

Da mesma forma, os pais e professores devem aprender sobre o tipo de dificuldade de aprendizagem da criança e se informar sobre as opções de intervenção mais eficazes. 

Cultivar os pontos fortes da criança com dificuldade de aprendizagem e prestar atenção aos seus interesses ajuda a desenvolver suas habilidades e autoconfiança para superar suas dificuldades.

Se restou alguma dúvida sobre dificuldade de aprendizagem, deixe nos comentários.

Referências:

KAUARK, Fabiana da Silva  e  SILVA, Valéria Almeida dos Santos. Dificuldades de aprendizagem nas séries iniciais do ensino fundamental e ações psico & pedagógicas. Rev. psicopedag. [online]. 2008, vol.25, n.78 [citado  2020-11-30], pp. 264-270 .

FERREIRA, Marco  e  HORTA, Inês Vasconcelos. Leitura: Dificuldades de aprendizagem, ensino e estratégias para o desenvolvimento de competências. Invest. Práticas [online]. 2015, vol.5, n.2 [citado  2020-11-30], pp.144-154.

20 Comments

  • Anali Relita Voigt
    Posted 05/12/2020 at 2:13 pm

    Esclarecedor

  • Miriam
    Posted 06/12/2020 at 3:20 am

    Estou adorando tanta informação bacana, gratidão… Tenho uma filha de 3anos ela tem síndrome de down e apresenta dificuldade na fala, mas não em compreender o que falamos, pq entende bem aos meus comandos e conversas, até o que falo com o irmão dela de 11anos ela entende, então penso que seja só questão de tempo para pronunciar de forma correta…

    • NeuroSaber
      Posted 08/12/2020 at 6:57 pm

      Olá Miriam,
      Para nós é um prazer poder contribuir para auxiliar você nessa questão!:)

  • Mirian Sousa Silva
    Posted 12/06/2021 at 5:00 pm

    Meu irmão tem 18 anos, ele estuda desde os 3 anos,mas não consegue acompanhar e aprender os conteúdos na escola, tem dificuldades em todas as disciplinas e tem dificuldades em ler.O que eu posso fazer para ajuda lo?!Ele perdeu totalmente o interesse pelos estudos.

    • Matheusool
      Posted 21/06/2021 at 2:57 am

      Tenho tudo igual seu irmão m

  • Darlene
    Posted 20/06/2021 at 1:56 pm

    Minha sobrinha tem 10 anos ela tem dificuldade de ler, de escrever matemática ela não sabe nada como pisos agir

  • Carlos César Silva Manciola
    Posted 01/08/2021 at 9:23 pm

    Podemos ajudar!
    Procure o IPSE Instituto da Saúde e agende umas avaliação.
    71 3345 5138

  • josiene ap Davanso Silva
    Posted 10/08/2021 at 12:56 am

    Eu troco as letras t com d ,p com b,f com v , para mim tenho mesmo som que nome se dá essa dificuldade,? Sofri muito na escola me sentia uma pessoa muito burra! Estou escrevendo no áudio porque se for escrever com as minhas próprias palavras escreveria tudo errado.

  • Gerluce Estevão Silva de Almeida
    Posted 20/10/2021 at 9:47 am

    Parabéns pelo trabalho de vcs,muito informativo.

  • Camila
    Posted 02/02/2022 at 1:38 pm

    O meu filho ele tem 6 anos e não consegui aprender nada é um pouco inquieto ñ tem interesse de livros ou estudar só brincar, celular, passear

    • Webster
      Posted 03/02/2022 at 1:08 pm

      Olá, Camila

      Primeiramente agradecemos pela confiança! Nesses casos orientamos buscar um especialista pessoalmente para lhe dar melhores informações e orientação assertivas sobre o caso. De qualquer forma, temos conteúdos no youtube.com/neurosabervideos e Artigos em nosso Blog: http://www.neurosaber.com.br/artigos que podem te ajudar em muitas questões.

      Webster,
      Equipe NeuroSaber 💙

  • Bete cabral
    Posted 12/02/2022 at 10:10 pm

    Meu filho tem 4.anos.decmvido essa pandemia é o primeiro ano de escola dele . Ama ir a escola, qndo e p fazer a atividade vejo bastante interesse, mas não se concentra e não presta atenção, algumas coisa ele consegue fazer, outras diz q tá difícil e q tá cansado e mto difícil fazer a tarefa . O q posso fazer, o q e isso já tô desesperada.

  • Beth cabral
    Posted 12/02/2022 at 10:12 pm

    Meu filho tem 4.anos.decmvido essa pandemia é o primeiro ano de escola dele . Ama ir a escola, qndo e p fazer a atividade vejo bastante interesse, mas não se concentra e não presta atenção, algumas coisa ele consegue fazer, outras diz q tá difícil e q tá cansado e mto difícil fazer a tarefa . O q posso fazer, o q e isso já tô desesperada.

    • Webster
      Posted 15/02/2022 at 1:25 pm

      Olá, Beth

      Esse comportamento pode ser por muitos motivos diferentes. Temos muitos conteúdos que podem te ajudar a entender melhor isso. Acesse youtube.com/neurosabervideos e também em nosso blog que podem te ajudar.

      Webster,
      Equipe NeuroSaber 💙

  • Bruna nunes
    Posted 21/02/2022 at 1:25 am

    meu filho tem 8 ano não sabe lê nem escrever não conhece. isso número e nem o alfabeto inteiro preciso de ajuda urgente

  • Trackback: Qual o verdadeiro papel da escola na alfabetização de crianças atípicas? - Instituto NeuroSaber
  • warlen
    Posted 30/04/2023 at 1:03 pm

    Por favor Help,tenho 40 aluno com tudo o diabo tudo: me mandar help ai, vai – por mais que seja professor, esta foda depois da pandemia e ainda esta caralho, ainda ajudar um povo carente da zona sul, ninguem merece, fome, desnutrição, gerra, porra, eu aqui feliz, em lecionar, tenho orgulho de ser professor, caralho, ensinei, ainda ensino, por determinação, cultura, em ajudar o que faço: …..? Manda ideias que as minhas esgotaram…….

    • Solange
      Posted 01/05/2023 at 2:47 pm

      Olá Warlen, tudo bem?

      Entendo que a situação pode ser desafiadora, mas é importante lembrar que o papel do professor é essencial para a formação de seus alunos e para a construção de um futuro melhor. A seguir, algumas ideias que podem ajudá-lo a lidar com a situação:

      Comunique-se com os alunos: Esteja sempre aberto ao diálogo com seus alunos, tanto para esclarecer dúvidas quanto para ouvir suas preocupações. Isso pode ajudar a criar um ambiente de confiança e respeito mútuo.

      Use a tecnologia a seu favor: As ferramentas digitais podem ser uma grande aliada do professor na hora de engajar os alunos e tornar o aprendizado mais interessante. Utilize recursos como apresentações, vídeos, jogos e plataformas educacionais para tornar as aulas mais dinâmicas.
      Incentive a participação: Proponha atividades que incentivem a participação dos alunos, como debates, dinâmicas em grupo e trabalhos em equipe. Isso pode ajudar a aumentar o interesse dos alunos pelo conteúdo.

      Valorize as diferenças: Cada aluno tem seu ritmo e sua forma de aprendizado. É importante valorizar as diferenças e buscar estratégias de ensino que atendam às necessidades de cada um.

      Esteja preparado: Planeje suas aulas com antecedência, tenha um roteiro claro e objetivos bem definidos. Isso pode ajudar a evitar imprevistos e a garantir que as aulas sejam mais produtivas.

      Crie vínculos: Tente estabelecer um vínculo com seus alunos, conhecendo seus interesses, preocupações e desafios pessoais. Isso pode ajudar a criar uma relação de empatia e confiança, que favorece o aprendizado.

      Sol,
      Equipe NeuroSaber 💙

Leave a comment

x

Estou aqui para ajudar 🤗

Me chame quando precisar 😊