Skip to content Skip to footer

Práticas para estimular a fala das crianças

Um ambiente rico em linguagem é vital para estimular a fala, para a aprendizagem e o desenvolvimento socioemocional das crianças. 

O desenvolvimento da fala, da linguagem e de habilidades cognitivas ocorrem nos primeiros anos de vida. Para estimular a fala das crianças é importante oferecer a elas ambientes ricos em linguagem, com conversas, leitura, música e interação social. 

A fala é a base da comunicação e propiciar um ambiente, em casa, que favoreça o desenvolvimento da linguagem é essencial. Desde conversas com o bebê, até jogos e simples interações, permeadas pelo afeto, favorecem o desenvolvimento da fala das crianças.

Neste artigo, vamos falar de algumas práticas simples para estimular a fala das crianças em casa. Confira!

Como estimular a fala das crianças

Em primeiro lugar, é preciso perceber se existem fatores que podem prejudicar a aquisição da fala, como problemas de audição ou visão, por exemplo. Outro fator é a falta de diálogo dos pais com as crianças, impedindo-as de viver interações e estímulos importantes para desenvolver a fala.

Crianças que chegam aos dois anos sem falar devem ser encaminhadas a avaliações com o pediatra, para verificar as possíveis origens da ausência dessa habilidade. Pode haver algum transtorno ou problema cognitivo e um fonoaudiólogo pode ajudar muito.

Caso essas hipóteses sejam refutadas, você pode seguir algumas de nossas orientações simples para estimular a fala do seu filho!

Práticas para a estimular a aprendizagem da fala

Use sinais 

A aprendizagem da fala começa pelos sinais não verbais. Conecte palavras à ações simples, como dar ‘oi’ e ‘tchau’, fazendo gestos com as mãos. Da mesma forma, quando estiver conversando com seu filho, aponte para os objetos que manusear, como livros e brinquedos.

Converse com seu filho

Sempre converse com seu filho! Muitas mães e pais fazem isso desde quando ele está na barriga. É uma prática muito saudável e uma das mais importantes para estimular a fala. Da mesma forma, conversar com familiares e outras pessoas na presença do bebê, ajuda a introduzi-lo no mundo da linguagem.

Gradualmente, as crianças começam a conectar emoções às palavras, como alegria e entusiasmo. A medida que crescem, vão enriquecendo seu vocabulário e os pais podem estimular fornecendo novas palavras no cotidiano, como cozinhar com seu filho falando os nomes dos ingredientes da receita em voz alta.

Leia em voz alta

A leitura pode estar presente na vida das crianças desde muito cedo. Contar histórias e ler um livro em voz alta aumenta o interesse da criança em querer falar, além de aumentar seu vocabulário.

Insira na rotina diária da família uma leitura em voz alta, sempre buscando os livros e histórias de acordo com a idade e o interesse do seu filho. Os livros com imagens e cores atrativas ajudam também a promover outras experiências sensoriais importantes para o desenvolvimento da criança.

Observe e escute seu filho

A comunicação é uma necessidade humana e, gradualmente, as crianças aprendem que precisam se esforçar para serem compreendidas. Dessa forma, escute com atenção o seu filho, deixando-o terminar as frases, antes de tentar adivinhar o que ele quer dizer e falar por ele.

Caso você não entenda o que ele quer, pode estimular com perguntas, ajudando-o a se expressar, mas sem falar por ele.

Escute músicas com seu filho

A música ajuda a estimular a audição e a fala, por isso escolha músicas voltadas para o público infantil e escute-as com seu filho. As crianças adoram cantar e dançar e você pode estimulá-las a fazer isso brincando, com jogos de imitação. 

Promova encontros com outras crianças

As crianças precisam brincar com outras de sua idade. Nada melhor que a brincadeira para estimular a comunicação e a fala. A interação social promove desafios e desafia as crianças a enfrentá-los, estimulando a aprendizagem da fala e da linguagem.

Não infantilize sua fala

Muitos adultos tendem a infantilizar suas falas ao se comunicar com uma criança. Isso pode ser divertido, mas é prejudicial para o desenvolvimento da fala. Quando bebê, isso não tem tanto problema, mas a medida que a criança amadurece, é preciso falar as palavras corretamente para que ela aprenda.

Controle a ansiedade

O mais importante para os pais é curtir essa fase maravilhosa com seus filhos e tentar frear a ansiedade. É normal que fiquem preocupados e queiram que seus filhos desenvolvam essas habilidades tão importantes.

Por isso, cuide do ambiente doméstico para que ele seja estimulante, mas respeite o tempo do seu filho. Nenhuma criança se desenvolve no mesmo ritmo que outra. O que nós podemos fazer e proporcionar experiências que estimulem e favoreçam a aprendizagem da linguagem.

No mais, é entender que cada criança é única e que falará a seu tempo. 

Se restou alguma dúvida sobre práticas para estimular a fala das crianças, deixe nos comentários!

Referências:

NASCIMENTO, Fernanda Mara do; RODRIGUES, Marina Brandão  e  PINHEIRO, Ângela Maria Vieira. Programa de orientação: como estimular a linguagem das crianças nascidas pré-termo. Psicol. teor. prat. [online]. 2013, vol.15, n.2 [citado  2020-09-07], pp. 155-165 . Disponível em: <http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-36872013000200012&lng=pt&nrm=iso>. ISSN 1516-3687.

SCHIRMER, Carolina R.; FONTOURA, Denise R.  and  NUNES, Magda L.. Distúrbios da aquisição da linguagem e da aprendizagem. J. Pediatr. (Rio J.) [online]. 2004, vol.80, n.2, suppl. [cited  2020-09-07], pp.95-103. Available from: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0021-75572004000300012&lng=en&nrm=iso>. ISSN 1678-4782.  http://dx.doi.org/10.1590/S0021-75572004000300012.

25 Comments

  • NILVA Garcia Vilela Inacio
    Posted 20/12/2021 at 1:28 am

    Estou preocupada ,meu netinho de um ano e quatro meses não fala nada!😔

  • Ana Maria Ferrari de oliveira
    Posted 12/01/2022 at 1:19 pm

    Minha sobrinha tem quase 3 aninhos e não fala nada , nem papai e mamãe

    • Webster
      Posted 14/01/2022 at 1:15 pm

      Olá, Ana!

      Esse comportamento pode ser por muitos motivos diferentes. Temos muitos conteúdos que podem te ajudar a entender melhor isso. Acesse youtube.com/neurosabervideos e também em nosso blog que podem te ajudar.

      Webster – Equipe NeuroSaber 💙

  • Jéssica
    Posted 22/02/2022 at 2:12 pm

    Meu filho vai fazer 2 anos, antes ele falar algumas coisas só que do nada parou de falar. Quando quer alguma coisa, ele pega na minha mão e me leva pra pegar o que e quer.

    • Solange
      Posted 22/02/2022 at 6:53 pm

      Olá Jéssica, tudo bem?

      Primeiramente agradecemos pela confiança! Nesses casos orientamos buscar um especialista pessoalmente para lhe dar melhores informações e orientação assertivas sobre o caso. De qualquer forma, temos conteúdos no youtube.com/neurosabervideos e Artigos em nosso Blog: http://www.neurosaber.com.br/artigos que podem te ajudar em muitas questões.

      Sol,
      Equipe NeuroSaber 💙

  • Elivan Barros
    Posted 06/03/2022 at 6:39 pm

    Eu filho te 3 amos e não fala quase nada.alem do fonodiologo quase as principais ferramentas posso usar no dia a dia com ele pra estimular ele

  • Gi
    Posted 31/03/2022 at 3:13 am

    Meu filho tem dois anos e seis meses , ele se expressa bem, mas com a sua própria linguagem se articula bem, mas ele tem muita dificuldade na fala!! O que fazer ??

    • Solange
      Posted 31/03/2022 at 1:32 pm

      Olá, tudo bem?

      Primeiramente agradecemos pela confiança! Nesses casos orientamos buscar um especialista pessoalmente para lhe dar melhores informações e orientação assertivas sobre o caso. De qualquer forma, temos conteúdos no youtube.com/neurosabervideos e Artigos em nosso Blog: http://www.neurosaber.com.br/artigos que podem te ajudar em muitas questões.

      Sol,
      Equipe NeuroSaber 💙

  • Mayara
    Posted 05/05/2022 at 5:31 pm

    Olá, minha filha tem 1 ano e 5 meses e não fala papai nem mamãe, mas fala outras coisas como por exemplo o número 10, quando vê um cachorro chama de auau gato de miau vaca muu, entre outras palavrinhas mas não me chama, quando quer que eu brinque com ela leva o brinquedo até mim, chora querendo tete mas pede o tete mesmo bem pouco

    • Solange
      Posted 05/05/2022 at 6:29 pm

      Olá Mayara, tudo bem?

      Sem avaliação não podemos dar uma orientação precisa sobre o caso. É importante buscar um especialista para lhe dar melhores informações e orientação para uma intervenção. De qualquer forma, temos conteúdos no youtube.com/neurosabervideos e também em nosso blog que podem te ajudar em muitas questões.
      Separei abaixo um artigo que poderá te auxiliar em algumas das suas dúvidas:
      https://institutoneurosaber.com.br/artigos/atraso-na-fala-de-criancas-quando-buscar-ajuda-medica/

      Sol,
      Equipe NeuroSaber 💙

  • Dayane
    Posted 08/06/2022 at 2:04 am

    Meu filho tem 2 anos e 1 mes
    O que posso falar que ele fala mesmo ativamente é mamãe ,chacha(nossa cachorra) au au ( cachorro) cocó(galinha) faz muuu quando ve uma vaca na tv ou se pergunto como faz a vaca , nisso dos animais ele tbm faz os sons do gato,porco, pintinho, as vezes fala Tau(tchau) em relações a sinais ele da tchau,manda beijo,dança cabeça ombro joelho e pé ,e outras danças infantis.
    Muito raramente fala Titia ou vovó, se eu falar pra ele chamar nao chama, porém se eu falar ele repete , não tem contato diário com essas pessoas, porém nao fala papai agora que começou com um Dada que tbm nao e tao ativo.
    Filho unico frequenta a creche desde de fevereiro .

  • francisco da cunha
    Posted 11/06/2022 at 12:29 pm

    o meu filho tem 4 anos nao fala como estimular a falar?

    • Solange
      Posted 13/06/2022 at 1:43 pm

      Olá Francisco, tudo bem?

      Sem avaliação não podemos dar uma orientação precisa sobre o caso. É importante buscar um especialista para lhe dar melhores informações e orientação para uma intervenção. De qualquer forma, temos conteúdos no youtube.com/neurosabervideos e também em nosso blog que podem te ajudar em muitas questões.

      Sol,
      Equipe NeuroSaber 💙

    • Solange
      Posted 13/06/2022 at 2:20 pm

      Olá Francisco, tudo bem?

      Primeiramente agradecemos pela confiança! Nesses casos orientamos buscar um especialista pessoalmente para lhe dar melhores informações e orientação assertivas sobre o caso. De qualquer forma, temos conteúdos no youtube.com/neurosabervideos e Artigos em nosso Blog: http://www.neurosaber.com.br/artigos que podem te ajudar em muitas questões.

      Sol,
      Equipe NeuroSaber 💙

  • Elaine Guedes
    Posted 10/07/2022 at 1:45 pm

    Meu filho tem 2 anos e 4 meses e também não fala muitas coisas, ele fala mamãe, papai, irmã e cadê tirando isso Mais nada.
    Levei no pediatra ele disse ser normal, mais eu não acho que seja normal e tô preocupada em relação a isso.

    • Solange
      Posted 11/07/2022 at 1:16 pm

      Olá Elaine, tudo bem?
      Primeiramente agradecemos pela confiança! Nesses casos orientamos buscar um especialista pessoalmente para lhe dar melhores informações e orientação assertivas sobre o caso. De qualquer forma, temos conteúdos no youtube.com/neurosabervideos e Artigos em nosso Blog: http://www.neurosaber.com.br/artigos que podem te ajudar em muitas questões.

      Sol,
      Equipe NeuroSaber 💙

  • Diane
    Posted 26/09/2022 at 3:12 pm

    Meu filho tem 3 anos, percebo que tem dificuldades em falar. As vezes fala algumas coisas mas não conseguimos entender. O nome dele inclusive não pronúncia. Fala o sobrenome mas o nome tem dificuldade de pronunciar

    • Solange
      Posted 26/09/2022 at 5:54 pm

      Olá Diane, tudo bem?

      Somente uma avaliação de um especialista poderá determinar se seu filho está desenvolvendo conforme esperado na idade, separamos um ótimo vídeo do dr. Clay Brites que poderá clarear as suas dúvidas, mas lembrando que não é um diagnóstico: https://youtu.be/_ANHr1vGoMI

      Sol,
      Equipe NeuroSaber 💙

  • Eveline De Aquino Santos
    Posted 03/05/2023 at 2:17 pm

    Meu filho tem 4 anos ele fala porém não fórmula resposta apenas repete e repete desconfio que seja ECOLALIA mas preciso leva lo ao médico. Ele é mto inteligente conhece coisas e grava tudo que outras crianças da idade não fazem e desconfio tbm de autismo… É bem complicado certas atitudes dele é de uma criança de 3 ou 2 anos. Faço mtas atividades com ele em casa na época da pandemia nos fechamos em casa e isso atrapalhou mto, ficou mto em telas, hj tentamos reverter isso, ajudo como posso sem tv sem telas, faço atividades o dia todo e procuro prestar MTA atenção nele. Mas confesso que preciso de ajuda sozinha não consigo 😔

    • Solange
      Posted 03/05/2023 at 5:29 pm

      Olá Eveline, tudo bem?

      Compreendo a sua situação e entendo que não seja fácil. Nesses casos orientamos buscar um especialista pessoalmente para lhe dar melhores informações e orientação assertivas sobre o caso. Mas desejamos força nessa caminhada e que Deus abençoe a cada dia!

      Sol,
      Equipe NeuroSaber 💙

    • Livia
      Posted 03/05/2023 at 5:35 pm

      Olá Eveline,

      É compreensível que você esteja preocupada com o desenvolvimento do seu filho e que sinta que precisa de ajuda. É importante buscar orientação profissional de um médico especialista em desenvolvimento infantil para avaliar o comportamento do seu filho e determinar se há algum problema ou atraso no desenvolvimento.

      A Ecolalia é uma característica comum em crianças com autismo, mas não é exclusiva dessa condição. Ainda assim, é possível que seu filho esteja apresentando sinais de autismo, especialmente se ele também apresenta outras características típicas da condição, como dificuldades na comunicação, comportamentos repetitivos e dificuldades nas habilidades sociais.

      Enquanto você aguarda pela consulta com um médico especialista, você pode continuar ajudando seu filho em casa. Aqui estão algumas dicas que podem ser úteis:

      Comunique-se com seu filho: tente conversar com ele usando frases simples e diretas, e faça pausas para permitir que ele responda. Evite perguntas que possam ser respondidas com “sim” ou “não”, e estimule-o a falar mais.

      Ensine habilidades sociais: ajude seu filho a aprender habilidades sociais, como fazer contato visual, compartilhar e esperar a vez de falar. Você pode usar jogos e brincadeiras para ensinar essas habilidades.

      Atividades de linguagem: procure atividades que possam ajudar seu filho a desenvolver a linguagem, como ler livros, cantar músicas e brincar com jogos que envolvam conversas.

      Estabeleça uma rotina: estabelecer uma rotina diária pode ajudar seu filho a se sentir mais seguro e previsível, o que pode reduzir a ansiedade e ajudá-lo a se concentrar melhor.

      Procure ajuda profissional: considere buscar ajuda profissional de um fonoaudiólogo ou terapeuta ocupacional para trabalhar com seu filho em habilidades de linguagem e comunicação.

      Lembre-se de que cada criança é única e tem seu próprio ritmo de desenvolvimento. Continue ajudando e incentivando seu filho em casa, e procure ajuda profissional para orientação adequada e apoio contínuo.

Leave a comment

0.0/5