Voltar

Brincar e Aprender: como estes dois fatores caminham juntos na aprendizagem?

As crianças aprendem brincando. Brincadeiras nas atividades infantis favorecem a aprendizagem. Saiba mais, neste artigo.

As brincadeiras envolvem as crianças, mas também ajudam no desenvolvimento de habilidades essenciais para a aprendizagem. Brincando, as crianças desenvolvem curiosidade sobre o mundo, aprendem a ter iniciativa para resolução de problemas, atenção concentrada e persistência.

Brincar é muito importante para o desenvolvimento das crianças, pois é a chave para o aprendizado. Pesquisadores e educadores em todo o mundo afirmam que brincar ajuda a enriquecer a aprendizagem, pois desenvolve habilidades essenciais, como investigação, expressão, experimentação e trabalho em equipe.

Neste artigo, vamos falar sobre a relação entre brincar e aprender e a importância das brincadeiras nas atividades infantis. Boa leitura!

Como as crianças aprendem brincando?

Em sua palestra na TedX Talk, a Professora Doris Fromberg — diretora de Educação de Professores da Primeira Infância da Universidade Hofstra — explica por que brincar é uma parte tão importante do processo de aprendizagem das crianças.

Segundo ela, as crianças aprendem de maneira diferente dos adultos. Elas aprendem através de experiências físicas, interações com outras pessoas e com seus próprios sentimentos. Aprendem muito com a imaginação. Brincar reúne as partes lógicas e criativas do cérebro.

Para crianças pequenas, brincar costuma ser uma atividade de corpo inteiro, o que ajuda a desenvolver habilidades essenciais para toda a vida. Correr, dançar, escalar, rolar — todas essas atividades promovem o desenvolvimento das habilidades motoras. 

As crianças também desenvolvem habilidades cognitivas e emocionais à medida que criam mundos elaborados e imaginativos, ricos em um sistema de regras que rege os termos do jogo. As crianças ensinam a si mesmas a regular suas emoções e a pensar antes de agir quando brincam. 

A representação nas brincadeiras ajuda as crianças a desenvolver habilidades sociais e a se tornar um adulto capaz de circular em diferentes ambientes — pessoais e profissionais.

Por que é importante incluir brincadeiras nas atividades infantis?

Na escola, brincar ajuda as crianças a aprender e crescer. Os professores podem iniciar as brincadeiras, fazer perguntas sobre as regras, incentivando seus alunos a fazer conexões com o mundo, através de conhecimentos prévios.

Os professores podem orientar o aprendizado de maneira divertida e livre, com foco nos objetivos que têm em mente. Uma abordagem pedagógica baseada em brincadeiras cria uma experiência educacional riquíssima. 

Os alunos aprendem habilidades de pensamento crítico, de linguagem, expandem sua gama de conhecimento e aumentam sua consciência sócio-emocional — tudo sem perceber o quanto estão aprendendo.

Aprender brincando

Oferecer às crianças a chance de fazer perguntas, resolver problemas, trabalhar em grupo e conduzir a brincadeira é fundamental para a aprendizagem. Os professores podem criar um clima de diversão em sala de aula, adotando uma abordagem baseada em brincadeiras.

Por exemplo, ler um livro em voz alta e pedir aos alunos para seguir cada palavra com os dedos ou propor uma roda de conversa para que as crianças possam falar com os colegas sobre o conteúdo da história e as associações que ela provocou. 

Os professores também podem incentivar a imaginação e o senso de curiosidade das crianças perguntando o que elas acham que vai acontecer a seguir na história.

Os alunos também podem encenar as histórias em peças teatrais. Representar cenas e se expressar aumenta a confiança social, a capacidade de ver as perspectivas dos outros e o gosto pela literatura.

Brincar dá às crianças a chance de praticar o que estão aprendendo

Aprender não é apenas uma atividade formal que as crianças fazem em sala de aula — na verdade, é muito divertido! Dar às crianças oportunidades de questionar, trabalhar em equipe, experimentar, brincar com diferentes possibilidades e investigar assuntos que lhes interessam é essencial para a aprendizagem. 

Através das brincadeiras nas atividades infantis, o professor apoia as crianças em sua criatividade, enquanto as desafia a pensar. Também faz com que elas reflitam sobre os desafios que enfrentam, o que ajuda a se tornarem mais confiantes em suas habilidades de resolução de problemas.

O maior objetivo dos professores da educação infantil é ajudar os alunos a aprender a fazer perguntas, se expressar, colaborar uns com os outros, assumir riscos criativos e a manter sua curiosidade natural sem perder a empolgação de aprender algo novo. 

Tudo isso pode ser alcançado tornando o aprendizado divertido para as crianças!

Restou alguma dúvida sobre como as brincadeiras nas atividades infantis são importantes para a aprendizagem? Deixe nos comentários.

Referências:

BOMTEMPO, Edda. Brinquedo e educação: na escola e no lar. Psicol. Esc. Educ. (Impr.) [online]. 1999, vol.3, n.1 [cited  2020-09-11], pp.61-69. Available from: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-85571999000100007&lng=en&nrm=iso>. ISSN 2175-3539.

PAVNOSKI, Luciano. A importância do brincar no desenvolvimento da criança na educação infantil. Revista Científica Multidisciplinar Núcleo do Conhecimento. Ano 04, Ed. 07, Vol. 09, pp. 49-63. Julho de 2019. ISSN: 2448-0959. https://www.nucleodoconhecimento.com.br/educacao/a-importancia-do-brincar

Você também pode se interessar...

1 resposta em “Brincar e Aprender: como estes dois fatores caminham juntos na aprendizagem?”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *