Voltar

Entenda as áreas psicomotoras e como estimular cada uma delas na aprendizagem

A psicomotricidade é uma ciência que se concentra no desenvolvimento motor da criança, considerando os aspectos emocionais e cognitivos.
O desenvolvimento psicomotor da criança passa por etapas, sendo que é importante estimular cada uma delas, já que são essenciais para a sua formação. Cada área psicomotora pode ser estimulada através de jogos e atividades de aprendizagem que trabalham o movimento.
O terapeuta psicomotor atua sobre as funções motoras e cognitivas, baseado no movimento corporal, para estimular o desenvolvimento da criança. Corpo e mente estão integrados na psicomotricidade, e as atividades psicomotoras auxiliam na consciência corporal e no desenvolvimento de habilidades fundamentais para a aprendizagem.
No entanto, as áreas psicomotoras podem ser estimuladas na escola, através de atividades simples que podem ser inseridas nas estratégias de aprendizagem. O estímulo adequado dessas áreas é muito importante para o desenvolvimento da coordenação motora fina, global, lateralidade e outras. Saiba mais, neste artigo.

Conheça quais são as áreas psicomotoras

A psicomotricidade integra os aspectos motores, cognitivos e emocionais da criança. Dessa forma, as áreas psicomotoras, quando estimuladas adequadamente, favorecem o desenvolvimento global do indivíduo.
Para saber como estimular corretamente as áreas psicomotoras e contribuir no processo de desenvolvimento da criança, é preciso conhecer cada uma elas.

Coordenação motora global

A habilidade de coordenação motora global está associada à consciência corporal, ao controle da musculatura ampla para realizar movimentos complexos. Estimular essa área psicomotora envolve trabalhar habilidades como pular, correr e dançar.
Qualquer atividade que envolva esses movimentos, como pular corda, pega-pega e amarelinha, estimulam o desenvolvimento da coordenação motora global da criança.

Coordenação motora fina

O desenvolvimento dessa área psicomotora está relacionado com o controle dos pequenos músculos, como movimento das mãos, da face e visual. As atividades que estimulam a coordenação motora fina são mais refinadas, como recortes, desenhos e até mesmo amarrar os sapatos.
A estimulação dessa área psicomotora é importante para que a criança aprenda a segurar no lápis, por exemplo, para poder escrever.

Lateralidade

A lateralidade é a área psicomotora associada à consciência de que o corpo tem dois lados, e à noção de externo e interno. É importante que seja estimulada, pois favorece o domínio do próprio corpo e a coordenação motora.  
As atividades que estimulam a lateralidade são aquelas que trabalham os lados do corpo separadamente, como pular de um pé só, e também as que envolvem equilíbrio.

Organização espacial-temporal

A organização temporal é a habilidade de perceber o tempo em sua relação com as nossas ações. Diferenciar o rápido do lento, é um exemplo. As crianças começam a ter noção do tempo a partir do ritmo e das suas experiências, que têm começo, meio e fim.
As atividades que estimulam essa área psicomotora são aquelas que envolvem ritmo e são situadas em presente, passado e futuro.
A organização espacial diz respeito à percepção do mundo externo. Está relacionada a consciência do corpo no ambiente em que está inserido. Atividades como amarelinha, boliche e cirandas, que estimulam o movimento do corpo em determinado espaço estimulam o desenvolvimento dessa área psicomotora.

Esquema corporal

O esquema corporal está relacionado a habilidade de consciência do próprio corpo e das partes que o compõem. Os movimentos e ações corporais estão relacionados a imagem corporal, ou seja, como a pessoa enxerga seu próprio corpo.
O desenvolvimento da criança passa pelas experiências corporais em relação com os objetos e com o meio. É construída também de acordo com as relações afetivas que a circundam e associada às áreas psicomotoras do desenvolvimento que levam à organização e formação da autoestima da criança.

A importância de estimular a aprendizagem

Vimos que o desenvolvimento psicomotor abrange diversas áreas, sendo cada uma delas, essencial para a formação do indivíduo. Cabe a escola, englobar os aspectos da psicomotricidade em suas atividades, a fim de estimular adequadamente cada área psicomotora.
O desenvolvimento psicomotor adequado possibilita o domínio sobre o próprio corpo, movimentos, mas também dos aspectos emocionais e cognitivos. Desenvolver habilidades ligadas a lateralidade, organização espacial e temporal, coordenação motora e esquema corporal são fundamentais para o desenvolvimento da criança.
Agora que você já entendeu melhor as áreas psicomotoras e como estimular a aprendizagem, compartilhe este artigo em suas redes sociais e ajude outros profissionais!

Referências:

SACCHI, Ana Luisa  and  METZNER, Andreia Cristina. A percepção do pedagogo sobre o desenvolvimento psicomotor na educação infantil. Rev. Bras. Estud. Pedagog. [online]. 2019, vol.100, n.254 [cited  2020-06-18], pp.96-110.

SILVA, Samara Lilian Zulian Ruas da; OLIVEIRA, Maria Carolina Camargo de  e  CIASCA, Sylvia Maria. Desempenho percepto-motor, psicomotor e intelectual de escolares com queixa de dificuldade de aprendizagem. Rev. psicopedag. [online]. 2017, vol.34, n.103 [citado  2020-06-18], pp. 33-44 .

Você também pode se interessar...

8 respostas em “Entenda as áreas psicomotoras e como estimular cada uma delas na aprendizagem”

Parabéns seus cursos são fantásticos tem uma metadologia facilitadora de fácil compreensão a onde conseguimos acompanhar e muito motivador estou amando.

Esclarecedor, como sempre.
De fácil compreensão, nos auxilia, de forma simples, a entender o complexo mundo Do desenvolvimento humano.
Faço sempre essa leitura, pra estar atenta ao entendimento do desenvolvimento infantil…

O tema apresentado é muito importante e interessante para o nosso dia-a-dia como professora.
Gostaria que falasse também de crianças com deficiência intelectual e síndrome de down, como ensinar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *