Voltar

O que eu faço agora? Como lidar com um diagnóstico de autismo

Com o aumento dos diagnósticos de autismo, mais pais estão enfrentando os desafios que vêm ao criar um filho que pode ter dificuldade de se comunicar, interagir socialmente ou controlar comportamentos repetitivos.

Quando seu filho é diagnosticado com autismo, o que você deve fazer? Como você deve lidar com isso? Aqui estão os recursos para te ajudar a se tornar, continue lendo o artigo!

Depois do diagnóstico de autismo!

Centenas de famílias recebem notícias de um diagnóstico de autismo todos os dias. O autismo é uma deficiência de desenvolvimento que afeta significativamente três áreas: comunicação, seja verbal e não verbal, interação social e comportamento. É um distúrbio espectral, o que significa que afeta cada pessoa de maneiras diferentes e pode variar de muito leve a grave.

Muitos grupos médicos e de autismo defendem uma intervenção precoce e terapia intensiva para ajudar a alcançar o máximo progresso e recuperação para uma criança com autismo.

Eles também aconselham reunir uma equipe de médicos para avaliar o melhor tratamento. Mas quando você está sentado em um escritório ouvindo a palavra autismo, os dias que vem em seguida podem ser opressores e difíceis de descobrir o que vem a seguir. 

O que os pais devem fazer nos primeiros dias e semanas após o recebimento do diagnóstico? Que tratamento eles devem procurar? Como eles encontram bons médicos? Como eles devem lidar e seguir em frente? E essas são apenas algumas questões!

Como lidar com o diagnóstico 

Aprenda sobre o autismo

Quanto mais você souber sobre o transtorno do espectro do autismo, mais bem equipado estará para tomar decisões informadas por seu filho. Eduque-se sobre as opções de tratamento, faça perguntas e participe de todas as decisões de tratamento.

Torne-se um especialista em seu filho

Descubra o que desencadeia os comportamentos desafiadores ou perturbadores de seu filho e o que provoca uma resposta positiva. O que seu filho acha estressante ou assustador? Calmante? Desconfortável? Agradável? Se você entende o que afeta seu filho, você será melhor para solucionar problemas e prevenir ou modificar situações que causam dificuldades.

Aceite seu filho, com peculiaridades e tudo

Em vez de focar em como seu filho autista é diferente de outras crianças e no que ele está “perdendo”, pratique a aceitação. Desfrute das peculiaridades especiais do seu filho, celebre os pequenos sucessos e pare de compará-lo com os outros. Sentir-se amado e aceito incondicionalmente ajudará seu filho mais do que qualquer outra coisa.

Não desista

É impossível prever o curso do transtorno do espectro do autismo. Não tire conclusões precipitadas sobre como será a vida de seu filho. Como todas as outras pessoas, as pessoas com autismo têm uma vida inteira para crescer e desenvolver suas habilidades.

É fácil ficar confuso depois de receber o diagnóstico de autismo de seu filho. É importante que você se eduque sobre o transtorno do espectro do autismo e aprenda a melhor forma de ajudar seu filho e a si mesmo. Ao ouvir seu filho, você pode criar um ambiente estruturado e construir estabilidade em sua casa. Finalmente, certifique-se de ter ajuda com sua situação. 

Se você tiver alguma dúvida sobre o diagnóstico de autismo, assista a esse vídeo com o Dr. Clay! 

Referência

CHILD MIND INSTITUTE; EHMKE, Rachel. Sharing an Autism Diagnosis With Family and Friends: Tips for explaining autism to family and close friends, to help them become effective allies. Disponível em: https://childmind.org/article/sharing-an-autism-diagnosis-with-family-and-friends/. Acesso em: 22 out. 2021.

RIOS, Charles Mike. Everything You Need to Do After a Child’s Autism Diagnosis. [S. l.], 2 out. 2020. Disponível em: https://autismdfw.org/everything-you-need-to-do-after-a-childs-autism-diagnosis/. Acesso em: 22 out. 2021.

Você também pode se interessar...

1 resposta em “O que eu faço agora? Como lidar com um diagnóstico de autismo”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *