Voltar

Porque o diagnóstico precoce do autismo é essencial

Sinais de autismo podem ser observados em crianças a partir dos seis meses de idade. À medida que as crianças envelhecem, é possível notar uma série de comportamentos que podem ser considerados preocupantes. É importante saber quais são os sinais típicos ou potenciais de autismo, para um diagnóstico precoce. 

Há um ponto sobre o qual todos os defensores e especialistas do autismo concordam: quanto mais cedo o TEA puder ser identificado e tratado, melhor. 

No caso do autismo, quanto mais cedo iniciar as intervenções, maiores são as chances de sucesso. Para saber mais continue lendo o artigo. 

A importância do diagnóstico precoce no autismo 

Diagnosticar crianças com TEA no início da vida permite tratamentos que podem melhorar as habilidades da vida diária juntamente com as habilidades sociais, melhorando a qualidade de vida das crianças. 

Bebês e crianças pequenas podem ser examinados para atrasos de desenvolvimento em cada check up de bem-estar, já que muitos atrasos linguísticos e sociais podem ser identificados próximo aos 18 meses, se não antes. 

Ambas as avaliações de 18 e 24 meses podem incluir testes específicos de autismo, na maioria das vezes um questionário M-CHAT preenchido pelos pais ou cuidadores. 

O diagnóstico nem sempre é preto no branco, entretanto, já que alguns bebês podem apresentar atrasos aos 6 meses e, mais tarde, alcançar os níveis desejados, ou uma criança pode atingir todos os marcos de desenvolvimento até os 18 meses e depois regredir.

Não apenas um diagnóstico precoce permite o tratamento precoce e proativo para crianças com autismo, mas também permite acesso a apoio e intervenção para pais de crianças com TEA, o que pode ajudar a reduzir o estresse para os pais. 

Conheça os sinais do autismo

Embora todas as crianças devam ser monitoradas quanto a sinais de autismo, irmãos de crianças diagnosticadas com autismo devem ser considerados de maior risco e receber atenção especial. Alguns sinais de alerta de autismo incluem:

  • Repetir ações continuamente
  • Resposta limitada ao próprio nome
  • Respondendo de maneira incomum às coisas do dia a dia
  • Não lidando bem com a mudança
  • Repetir palavras que são ditas a eles
  • Não se relacionando bem com os outros
  • Não fazendo contato visual
  • Evitando contato físico
  • Não entendo as emoções de si mesmos ou dos outros
  • Não se envolver em brincadeiras imaginativas

Embora os profissionais de saúde possam apoiar o rastreamento do autismo, os pais geralmente estão na melhor posição para detectar os primeiros sinais de autismo. 

Os pais podem expor suas preocupações aos pediatras de seus filhos, solicitar um encaminhamento a um especialista em autismo ou receber uma avaliação gratuita de intervenção precoce do estado.

Se a criança precisar de mais testes, a próxima consulta provavelmente será com uma equipe de especialistas em TEA, psicólogo infantil, fonoaudiólogo e terapeuta ocupacional. Também pode consultar um pediatra de desenvolvimento e um neurologista.

Esta avaliação geralmente é para verificar coisas como o nível cognitivo da criança, habilidades de linguagem e outras habilidades para a vida, como comer, vestir-se e ir ao banheiro.

Para um diagnóstico oficial, ela deve atender aos padrões do Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais (DSM-5), publicado pela American Psychiatric Association.

Embora receber um diagnóstico possa ser um alívio ao fornecer uma explicação, ou pelo menos um nome, para o comportamento imprevisível, indiferença geral e evitação de afeto que os pais podem ter notado em seus filhos, em muitos outros casos, um diagnóstico muitas vezes estimula a dor e picos estresse. 

No entanto, os pais que desejam experimentar coisas novas, praticar a flexibilidade e abordar o tratamento com criatividade podem encontrar maneiras de administrar o tratamento dentro do ritmo de sua vida familiar. 

Mas, de qualquer forma, o diagnóstico precoce é sempre melhor! 

Se você ainda tiver alguma dúvida sobre o assunto, deixe nos comentários. E, para saber mais sobre o diagnóstico de autismo, assista esse vídeo com o Dr. Clay!

Referências

Lonnie Zwaigenbaum, Jessica A. Brian, Angie Ip; Canadian Paediatric Society, Autism Spectrum Disorder Guidelines Task Force. Early detection for autism spectrum disorder in young children. 2019. Disponível em https://www.cps.ca/documents/position/asd-early-detection Acesso em 15 out 2021

Você também pode se interessar...

2 respostas em “Porque o diagnóstico precoce do autismo é essencial”

Olá, Beatriz
O autismo não é considerado uma deficiência, nem intelectual, nem de aprendizagem.
Acesse nossos canais, temos muitas informações importantes lá que podem ter respostas para suas dúvidas. Vale a pena conferir!!!
Youtube: https://youtube.com/neurosabervideos
Facebook: Neurosaber
Instagram: @neurosaberoficial

Obrigada pelo carinho! Continue sempre acompanhando! 💙

Atenciosamente,

Equipe NeuroSaber.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *