Voltar

Dislexia: sinais que podem surgir antes da alfabetização

A dislexia é um transtorno de aprendizagem que afeta crianças e adultos. Seus sintomas e gravidade variam de acordo com a idade. As pessoas com dislexia têm dificuldade em decodificar as palavras pelo seu som, ou seja, para aprender como os sons se relacionam com as letras, o que leva a uma leitura lenta e a uma compreensão de texto limitada.

A dislexia pode ser identificada na infância, quando os problemas de leitura se tornam aparentes pela primeira vez. No entanto, em muitos casos, o diagnóstico é tardio ou nunca acontece. O ideal é que pais e professores conheçam os sinais de dislexia que podem surgir antes da alfabetização para realizar o diagnóstico precoce e evitar muitos problemas futuros.

Pensando nisso, escrevemos este artigo para que você conheça melhor os sinais de dislexia.

Diagnóstico de dislexia

A dislexia não está ligada à inteligência. É um distúrbio neurobiológico que afeta as partes do cérebro envolvidas no processamento da linguagem. Apesar de sua base biológica, a dislexia não pode ser diagnosticada com um exame, como uma tomografia ou ressonância magnética. 

Quando os médicos fazem um diagnóstico, eles consideram os resultados de uma série de testes de leitura com os sintomas relatados pela criança, pais ou professores. Os sintomas da dislexia podem variar com a idade e é importante saber identificar os sinais precocemente.

Sinais de dislexia

Os sinais de dislexia podem aparecer ainda na educação infantil, antes da alfabetização. Pais e professores devem ficar atentos aos sintomas das crianças que possam identificar o transtorno de aprendizagem.

A dislexia é a causa mais comum das dificuldades de leitura, escrita e ortografia. Se as crianças disléxicas tiverem um treinamento fonológico eficaz na educação infantil, antes da alfabetização, elas terão menos problemas para aprender a ler do que as que não foram identificadas ou ajudadas precocemente.

Sinais de dislexia na educação infantil

As seguintes dificuldades podem estar associadas à dislexia se forem inesperadas para a idade, nível educacional ou habilidades cognitivas da criança. Vale lembrar que o diagnóstico só pode ser realizado por um profissional especializado, no entanto, os seguintes sinais podem ser observados pelos pais e professores:

  • Fala com atraso se comparado com o esperado para a faixa etária.
  • Dificuldade em pronunciar palavras.
  • Demora para adicionar novas palavras ao vocabulário.
  • Dificuldade de lembrar a palavra certa em uma conversa.
  • Dificuldade em entender e fazer rimas.
  • Dificuldade para aprender o alfabeto, números, dias da semana, cores, formas, como soletrar e escrever seu nome.
  • Problemas para interagir com colegas.
  • Dificuldade de seguir instruções ou rotinas.
  • As habilidades motoras finas podem se desenvolver mais lentamente do que em outras crianças.
  • Dificuldade em contar e / ou recontar uma história na sequência correta.
  • Muitas vezes, a criança tem dificuldade em separar sons em palavras e misturá-los para formar novas palavras.

Os primeiros sinais de dislexia surgem por volta de 1 a 2 anos, quando as crianças aprendem a emitir sons. As crianças que não falam as primeiras palavras até os 15 meses ou as primeiras frases até os 2 anos têm maior risco de desenvolver dislexia.

No entanto, nem todas as pessoas com atraso na fala desenvolvem dislexia e nem todas as pessoas com dislexia apresentam atraso na fala quando crianças. Um atraso na fala é apenas um sinal para os pais prestarem atenção ao desenvolvimento da linguagem de seus filhos.

Crianças com famílias com histórico de dificuldades de leitura também devem ser observadas de perto, já que o transtorno pode ser herdado geneticamente.

Outros sinais de dislexia que surgem antes dos 5 anos incluem:

  • problemas para aprender e lembrar os nomes das letras do alfabeto.
  • dificuldade em aprender a letra de versos infantis.
  • incapacidade de reconhecer as letras de seu próprio nome.
  • dificuldade em pronunciar palavras familiares ou permanência do uso de uma linguagem infantil.

Sinais de dislexia na alfabetização

As seguintes dificuldades podem estar associadas à dislexia se forem inesperadas para a idade, nível educacional ou habilidades cognitivas da criança. Lembrando que, para verificar se uma pessoa é realmente disléxica, somente com a avaliação de um especialista.

  • Dificuldade em decodificar palavras isoladas.
  • Lentidão para aprender a conexão entre letras e sons.
  • Confunde palavras pequenas.
  • Comete erros consistentes de leitura e ortografia.
  • Transpõe sequências numéricas e confunde os sinais aritméticos (+ – x / =).
  • Dificuldade para lembrar fatos.
  • Lentidão para aprender novas habilidades; para memorizar e entender.
  • Impulsividade e facilidade para se submeter a acidentes.
  • Dificuldade em planejar.
  • Segura o lápis de forma incomum.
  • Dificuldade em aprender a ver as horas.
  • Coordenação motora fina pouco desenvolvida.

Agora que você já conhece os sinais de dislexia que podem surgir antes da alfabetização, compartilhe este artigo em suas redes e ajude outras pessoas!

Referências:

RODRIGUES, Sônia das Dores  e  CIASCA, Sylvia Maria. Dislexia na escola: identificação e possibilidades de intervenção. Rev. psicopedag. [online]. 2016, vol.33, n.100 [citado  2021-01-04], pp. 86-97 .

ALVES, Rauni Jandé Roama et al. Teste para Identificação de Sinais de Dislexia: processo de construção. Estud. psicol. (Campinas) [online]. 2015, vol.32, n.3 [cited  2021-01-04], pp.383-393.

Você também pode se interessar...

13 respostas em “Dislexia: sinais que podem surgir antes da alfabetização”

Eu tenho um neto diagnosticado com os 3.déficit de atenção, hiperatividade e dislexia. Eu sofro muito, pq ele não é compreendido.

Pessoas autistas podem ser dilexa? Pq meu filho autista tem todas as característica de dislexia.
Bom dua e Obrigada a todos.

Olá Francemery,
Avaliação é multidisciplinar com o acompanhamento de profissionais especialistas, como psicopedagogos, fonoaudiólogos, neurologistas infantis e psicólogos.
Atenciosamente,
Equipe NeuroSaber

Boa tarde ,muito interessante esse Artigo.
Minha sobrinha fez 8 anos em novembro , ela conhece todo o alfabeto e as silabas mais na hora de formar as palavras ela tem muita dificuldade.
Ela é meio desatenta , e ainda não aprendeu a ler. Sera possivel ela ser deslexia?

Olá Adriana,
Primeiramente obrigada pela confiança!
Nesses casos orientamos buscar um especialista pessoalmente para lhe dar melhores informações e orientação assertivas sobre o caso.
De qualquer forma,temos conteúdos no youtube.com/neurosabervideos e Artigos em nosso Blog: http://www.neurosaber.com.br/artigos que podem te ajudar em muitas questões.
Atenciosamente,
Equipe NeuroSaber

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *