Voltar

Jogos infantis como ferramentas de aprendizagem

As crianças aprendem brincando, inclusive na escola. Entenda porque os jogos infantis são importantes ferramentas de aprendizagem.

Os jogos educativos podem e devem ser usados no contexto educacional, pois eles motivam as crianças, contribuem para o engajamento nas atividades e facilitam o aprendizado em várias áreas do conhecimento.

A ludicidade na educação infantil é fundamental para o desenvolvimento das crianças, pois é através do brincar que elas mais aprendem. Segundo Vygotsky, psicólogo, pensador e criador da psicologia cultural-histórica, na brincadeira, imaginação, fantasia e realidade interagem, favorecendo a criatividade.

Dessa forma, os jogos infantis são uma importante ferramenta de aprendizagem na educação infantil. Saiba mais, neste artigo.

A importância dos jogos infantis

Através da brincadeira, a criança pode simular as situações vividas e imaginar novos cenários. A imaginação contribui para a criatividade, o que capacita a criança a resolver conflitos, lidar com suas emoções e ter um aprendizado significativo.

Os jogos educativos contribuem para o desenvolvimento cognitivo e afetivo das crianças. Dessa forma, se tornam importantes ferramentas de aprendizagem na educação infantil.

Através dos jogos, as crianças podem usar sua imaginação e aprender brincando. A aprendizagem de conceitos, palavras e números é favorecida quando resultado de uma prática lúdica e atrativa para os alunos.

Os jogos educativos contribuem com o desenvolvimento de importantes habilidades como atenção, memória, coordenação motora, além de estimular a criatividade e a capacidade de resolução de problemas.

Outra vantagem dos jogos infantis na educação infantil é que eles favorecem a concentração e o foco, já que as crianças ficam mais motivadas e integradas para a aprendizagem.

Vale ressaltar, que os jogos favorecem a aprendizagem não só das crianças, mas dos adolescentes. Isso porque através deles, os alunos aprendem a trabalhar em grupo e absorvem o conteúdo abordado mais facilmente.

Os jogos infantis tornam a aprendizagem mais divertida, pois as crianças desenvolvem uma relação positiva com o aprender, visto que se torna uma atividade prazerosa. 

A gamificação na aprendizagem

Uma vertente dos jogos infantis na educação é a gamificação, ou o uso de games (jogos) em sala de aula. Uma estratégia usada em vários contextos de aprendizagem, inclusive para adultos, a gamificação usa mecanismos de jogos aplicados em diferentes contextos. 

Tornar uma atividade como aprender as letras em um jogo, faz com que as crianças experimentem a aprendizagem de uma forma mais significativa. A gamificação ajuda na concentração e contribui com a capacidade de se relacionar com o outro e com o ambiente.

Segundo a neurociência, a memória emotiva, ou seja, quando o aprendizado é ligado a um momento prazeroso, é muito mais duradoura. Os jogos infantis favorecem o prazer e a motivação para aprender.

Colocar a gamificação em prática em sala de aula significa incluir jogos com metas e bonificações para as crianças ao realizarem as tarefas ou desafios propostos. Não se trata de usar somente a tecnologia, como o nome pode sugerir, mas sim de criar pequenos torneios e lições que permitam aos alunos desenvolver a capacidade de trabalhar em grupo, tomar decisões e assimilar os conteúdos abordados.

Jogos infantis para sala de aula

Os jogos infantis podem ser usados para diferentes objetivos e contextos educacionais. Preparamos algumas dicas de como usar essa poderosa ferramenta na educação infantil. Confira!

Preparando para a alfabetização

As crianças aprendem a ler e escrever em torno dos seis anos, mas isso não impede que elas sejam preparadas para esse processo desenvolvendo habilidades importantes para a alfabetização.

Propor atividades com letras móveis, por exemplo, pode ser uma forma de apresentar o mundo das palavras para os pequenos de forma lúdica. Outra dica é propor brincadeiras de assimilação, onde os alunos têm que nomear figuras, por exemplo, associando palavra e imagem.

Raciocínio lógico e matemático

Assim como é possível apresentar as letras para as crianças de forma lúdica, o mesmo pode ser feito com os números. 

Você pode usar imagens ilustrativas (de animais, objetos ou outro tema), pedir para as crianças agrupá-las de acordo com um critério (exemplo: semelhanças), contar quantas figuras há em cada agrupamento para depois compará-los (qual tem mais semelhanças, qual tem menos). É uma forma de introduzir conceitos de operações matemáticas de forma lúdica.

Tecnologia em sala de aula

Ainda que exista certa resistência dos pais e professores em propor atividades com jogos eletrônicos em sala de aula, não podemos deixar de lado esse grande recurso proporcionado pelo avanço da tecnologia.

Os jogos de computador fazem parte do universo de muitas crianças com acesso a ele, e são extremamente atrativos. Jogos de simulação, por exemplo, ajudam a desenvolver habilidades como concentração e pensamento estratégico.

Outro exemplo é trabalhar conceitos como preservação ambiental ou o auto cuidado através dos jogos eletrônicos. Quando usados como uma ferramenta, com propósito educacional, os jogos de computador se tornam importantes aliados da aprendizagem.

Os jogos infantis, portanto, são importantes ferramentas de aprendizagem, pois ajudam as crianças a assimilar os conteúdos de forma lúdica, prazerosa e significativa. Se tiver mais dicas para compartilhar com a gente sobre o tema, deixe nos comentários e contribua com a discussão!

Referências:

COTONHOTO, Larissy Alves; ROSSETTI, Claudia Broetto  e  MISSAWA, Daniela Dadalto Ambrozine. A importância do jogo e da brincadeira na prática pedagógica. Constr. psicopedag. [online]. 2019, vol.27, n.28 [citado  2021-02-22], pp. 37-47 .

ALVES, Luciana  e  BIANCHIN, Maysa Alahmar. O jogo como recurso de aprendizagem. Rev. psicopedag. [online]. 2010, vol.27, n.83 [citado  2021-02-22], pp. 282-287 .

Você também pode se interessar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *